Roteiros

Roteiro do Iniciante na Bastter.com

Seja bem-vindo ao site. O objetivo principal deste roteiro é ensinar para as pessoas os primeiros passos nos investimentos disponíveis para pessoa física e ajudá-las a estudar essas modalidades para que possam, de maneira simples, investir com qualidade e dedicar seu tempo livre para o que realmente importa na vida.

A maioria de nós cresceu ouvindo frases como “Quem poupa não aproveita a vida”, “fulano perdeu tudo em ações”, “é preciso ser rico para investir”, “agora é a hora da renda fixa”, “para que vou guardar dinheiro se vou morrer e não levar nada” e muitas outras similares.

Por isso, os pilares do site estão resumidos no vídeo Filosofia Bastter de Acumular Patrimônio e no livro A Filosofia Bastter.com. Assista ao vídeo completo ou sua versão resumida para entender que é possível viver melhor através da educação financeira e que a riqueza só vem através de:

- Estudo;

- Trabalho;

- Poupança: Acumular em VALOR;

- Tempo em investimentos de VALOR


Vídeo resumido




Vídeo completo

AFASTE-SE DA MANADA!

A manada entra nos investimentos achando que foram criados simplesmente para colocar dinheiro no bolso de amadores. Esta grande maioria acha que o jeito de ganhar esse dinheiro fácil é adivinhando o futuro.

A grande maioria perde na bolsa. Se você faz a mesma coisa que a grande maioria faz e fala a mesma coisa que a maioria fala porque seu resultado vai ser diferente?

Investimentos principalmente a bolsa de valores foram criados para remunerar capital. E o único jeito de conseguir capital é através do trabalho!

Em todo investimento, os retornos correspondem aos riscos. Quando você vai atrás de dinheiro fácil em grande quantidade, o risco também será IMENSO. Por isso a maioria perde e nunca consegue ACUMULAR PATRIMÔNIO.

Afaste-se da manada, pare de olhar notícias e aprenda a estudar por si próprio e entender o que é investir em VALOR.

Pare de girar seus investimentos!

Dívidas?

Não existe nada PIOR do que as dívidas. Enquanto o juro composto age positivamente, ele é a chave para acúmulo de patrimônio no longo prazo, as dívidas também seguem juros compostos mas contra você.

Uma dívida nada mais é do que "aluguel" do dinheiro: Você paga por alugar o dinheiro de alguém para comprar algo.

Além de aumentarem como uma bola de neve, as dívidas são a causa de conflitos emocionais inclusive com familiares. O que ensinamos aqui é ter tranquilidade financeira para CUIDAR DA SUA FAMÍLIA e viver melhor.

Por isso, é totalmente improdutivo investir com dívidas. Isso inclui não apenas boletos e prestações, mas também financiamentos de imóveis e carros. Todas essas modalidades agem com juros compostos contra você.

Tem dívidas? Agora que sabe como são destrutivas financeiramente e emocionalmente, pague-as. A única exceção que você pode fazer é montar a sua reserva de emergência conforme explicado abaixo.

Manual sobre dívidas, financiamentos e empréstimos

Reserva de emergência

Antes de iniciar qualquer investimento é IMPRESCINDÍVEL que você tenha uma reserva de emergência. Nesta reserva você deve ter uma quantia suficiente para cobrir imprevistos da sua vida.

A característica principal da reserva de emergência é que ela deve ter LIQUIDEZ IMEDIATA. Caso precise de dinheiro em uma emergência durante um feriado com o mercado fechado, ela estará lá, ou seja você precisa de um ativo que permite o saque a qualquer momento. Para isso a poupança é suficiente.

Quanto?

O valor depende da sua situação de vida e gastos. Uma boa medida é ter no mínimo 3 meses de suas despesas mensais médias na reserva. Quanto mais incerta for a sua renda maior deve ser a reserva.

Manual: Reserva de Emergência (RE)

Quero ser rico!

NADA determina mais seu enriquecimento do que o quanto você poupa por mês. E isto se dá através dos juros compostos.

O jeito mais simples de investir aproveitando-se dos juros compostos é separar uma parte da sua renda e fazer um aporte mensal em um investimento. 



Entendendo isso você deixa de correr atrás de investimentos milagrosos ou indicações de analistas e “traders” profissionais que só fazem com que você fique girando patrimônio a vida toda e enriquecendo corretoras, bancos e intermediários.

Qual melhor investimento?

O melhor investimento é aquele que você entende e consegue ter sem tirar a sua tranquilidade ou seu sono.

Não existe um único melhor investimento no mundo, caso contrário todo mercado seria apenas este investimento. O que existe são diversos ativos e modalidades de investimento, aqui vamos estudar àqueles que dão condições ao pequeno investidor pessoa física de acumular patrimônio.

Qual investimento rende mais?

A pior maneira de escolher um investimento é pela rentabilidade. Todo ano aparecem notícias como “a poupança perde para inflação, agora é a hora do tesouro!”, “a bolsa foi o melhor investimento do ano”, etc. Estes conceitos tão distorcidos só servem para fazer você girar patrimônio e sustentar bancos, corretoras e intermediários.

Patrimônio não se gira. Patrimônio se acumula.

E se acumula em valor.  

No mercado financeiro os retornos correspondem aos riscos. Se você acha algum investimento milagroso rendendo muito mais que a média, é porque os riscos são muito maiores.








TAXA NÃO GANHA DE TEMPO! TAXA NÃO GANHA DE TEMPO!

O que te enriquece é aporte, tempo e  valor. Enquanto a taxa multiplica, o tempo é exponencial no enriquecimento.

Manual: Rentabilidade

Diversificação



É impossível prever o futuro. Ao ser humano, não foi dado o dom de prever o futuro.

Ao contrário do que é divulgado por aí, a diversificação não reduz seus retornos. Ela reduz suas PERDAS.

O pequeno investidor deve procurar diversificar bastante entre as modalidades de investimentos disponíveis porque se algo der errado com um único tipo de ativo, você ainda terá os outros.

Áreas do site

Clicando nas áreas e indo para as seções, temos o aspecto geral delas. Começaremos pela Área do Iniciante:






Descendo a página você encontra o FAQ:



No FAQ da seção você encontra as perguntas mais frequentes respondidas e também as orientações básicas para achar o conteúdo no site. Cada seção tem seu FAQ e também tem o SuperFaq que pesquisa no site todo. 

No mural da seção é possível pesquisar o conteúdo já discutido. Portanto se sua dúvida não está no FAQ você pode achar a resposta em alguma discussão anterior:




Caso não tenha achado a resposta é só criar um tópico neste espaço para iniciantes.

Após ter tirado suas dúvidas iniciais, veja também as outras áreas do site para aprendizado. Para um iniciante na bolsa, sugerimos começar pelos investimentos mais simples e ir estudando os FAQs e discussões.

Renda Fixa



A renda fixa é uma alternativa de investimento com diversas opções para os investidores. Em geral, trata-se de um empréstimo feito a uma instituição seja ela ONREVOG (Tesouro Direto) ou privada (CDBs, debêntures, LCI, LCA, etc) onde você sabe no momento do investimento as condições de remuneração para este capital e o prazo para resgate. 

Você passa a ser o credor destas instituições e tem a posse de um título ou "direito" que lhe garente as condições acertadas no momento da compra, por isso o termo "renda fixa". 

Para estudar veja a Área de Renda Fixa e os chats feitos tirando as dúvidas dos usuários.

Como buscamos ficar o maior tempo possível em investimentos de valor (lembrando da fórmula de juros compostos, o tempo é exponencial), o Tesouro Direto atualmente oferece os títulos com maior prazo de vencimento.

É importante frisar que o menor risco na renda fixa (menor até mesmo que a poupança) é no Tesouro Direto e que todo título privado deverá oferecer um retorno maior que este.

Não existe retorno sem riscos.

A diferença é que os títulos privados vencem em poucos anos, gerando pagamento de IR e menor juros compostos ao longo dos anos enquanto o Tesouro possui títulos com longo vencimento.

Manual: Renda fixa, taxas, títulos e o FGC

Bolsa



Uma ilusão comum é achar que o único jeito de ganhar dinheiro com ações é comprando a 1x e vendendo a 2x, 3x, etc. Isto NÃO É VERDADE.

Apesar de ser possível fazer os famosos trades, quem sobrevive na bolsa tem a maior parte do patrimônio como sócio de boas empresas.

As bolsas de valores surgiram como uma necessidade das empresas de conseguir financiamento para suas atividades através da venda de parte do capital para investidores que se tornam SÓCIOS.

Tornar-se sócio de uma empresa é como ter parte em um negócio: Nas suas devidas proporções, você recebe os resultados das empresas.

Se a empresa consegue obter lucros consistentes você terá seu capital remunerado seja através do pagamento (payout) de dividendos, juros sobre capital próprio e outras formas ou da valorização no LONGO PRAZO da empresa.

É importante entender que a remuneração dos acionistas é CONSEQUÊNCIA de uma empresa ser boa e consistente. Algumas empresas distribuem muito dinheiro por um tempo a custa de endividamento, desinvestimentos e venda de ativos, e as pessoas acham que vão ficar ricas.

Quando a conta fecha, esse tipo de empresa perde todo poder de geração de caixa e deixa os acionistas na mão. Por isso devemos procurar ser sócios de boas empresas com lucros consistentes e o retorno será consequência disso.

Manual: Ações, o que são?
Manual: Dividendos

Preço de Compra - Cotação



Vamos supor que você virou sócio de uma padaria. Esta padaria atende bem os clientes, têm dívida equilibrada ou inexistente, e a cada ano seus lucros aumentam de forma saudável trazendo mais resultados para você.

Você liga todo dia para algum negociante para perguntar quanto ela vale?

Você vai em outras padarias todo dia perguntar por quanto elas seriam vendidas?


Se descobre que o preço da sua padaria é menor do que no dia/mês/ano anterior, mesmo ela te dando lucros e tendo valor, você vende ela ?

Como você deve ter pensado a resposta é: NÃO!

Então por que você faz isso com ações? Por que ficar olhando todo dia se sobe ou cai?

Renda variável varia. E no curto prazo (menos de 15 anos) vai variar para todos lados e aleatoriamente, não adianta ficar procurando respostas para isso.



Por isso esqueça de uma vez por toda preços e cotações e foque em se tornar sócios de empresas com VALOR.

Manual: Preço de compra
Manual: Sócio
Manual: Acompanhar a bolsa de valores vai te empobrecer!

Empresas

Empresas boas tendem a continuar boas, empresas ruins tendem a continuar ruins. Eventualmente uma ou outra melhora, mas o problema é a obsessão em achar a próxima “turnaround”.

Com os quadros das ações fica muito fácil estudar as empresas e descartar as que não prestam logo de cara. Veja o exemplo de uma empresa com lucros consistentes e que tem trazido retorno aos sócios ao longo dos anos:





Agora veja o exemplo de uma empresa que apesar da histeria na mídia alguns anos atrás porque pagava muitos dividendos, está afundada em prejuízos e não traz retorno ao sócio:

 


Utilizando lucros consistentes como primeiro critério é fácil achar as empresas que são viáveis para estudo.



No site também encontramos as empresas que os usuários votaram e consideram viáveis




Dentro dos murais também é possível encontrar vídeos feitos pelos moderadores estudando os balanços das empresas




E após os balanços alguns vídeos mais curtos com a opinião do Bastter


Dos murais das empresas surgem discussões muito enriquecedoras:



E caso queira se aprofundar mais, tem as seções de notas e comentários feitas pelos usuários nos murais:

 


Outra forma de se aprofundar é olhando os releases e webcasts que são postados nos murais:

 

Categorias de Ações: ON X PN

As ações possuem classes diferentes: ON e PN. As Ordinárias Nominativas (ON) conferem direito a VOTO em assembléia de acionistas. Portanto, você possui os mesmos direitos dos DONOS das empresas.

Já as Preferenciais (PN) não possuem direito a voto em assembléias e em alguns poucos casos conferem direito a dividendo maior ou prioridade em receber recursos no caso de liquidação judicial de uma empresa.

 As ON possuem final 3. Ex: PETR3. 

As PN possuem final 4. Ex: PETR4.

Para se tornar sócio das empresas, o único meio é comprar ações com final 3 - ON e ter o mesmo tipo de ação dos donos.

Manual: ON ou PN?

Fundos Imobiliários (FII)



Os Fundos de Investimento Imobiliário (ou FIIs) são condomínios fechados com cotas negociadas em bolsa de valores e que investem no mercado imobiliário.

A maioria dos FII's compra imóveis como escritórios comerciais, galpões de logística e alugam a empresas. Outros fundos também investem em CRIs e LCIs que são investimentos atrelados ao setor imobiliário.

O objetivo desses fundos é captar recursos dos investidores para investir no mercado imobiliário e auferir renda. Por lei, 95% dos resultados tem que ser distribuídos aos cotistas e na prática a maioria dos fundos distribui proventos mensalmente.

Por terem algumas vantagens como isenção de imposto de renda nos rendimentos para pessoa física nos maiores fundos e ser um mercado dominado por pequenos investidores, é uma opção de diversificação acessível para ser feito Buy&Hold.

Assim como nas ações, as páginas dos FIIs possuem avaliações pelos usuários e um mural para discussão:





Mural do HGRE


Participe das discussões na área de FIIs e Imóveis.

Investimentos no Exterior




O site também tem uma área completa de investimentos no exterior, incluindo mais de 5000 empresas com quadros informativos:



Mural da Nike

Além de stocks, também estão cadastrados diversos REITs que investem em imóveis. Na área de Investimentos no Exterior também é ensinado como abrir contas em corretoras estrangeiras, como funciona  a declaração de imposto de renda conforme os países e como enviar dinheiro para o exterior para fazer os aportes.

Participe das discussões na área Investimentos no Exterior para aprender a investir fora do país.

Imposto de Renda

Veja o roteiro do iniciante no imposto de renda antes de começar a investir.

GERENCIANDO SEU PATRIMÔNIO - Como investir?

Tendo estudado o básico dos investimentos é possível montar sua carteira de ativos no Bastter System.



O Bastter System é uma ferramenta que ajuda na gestão do patrimônio (Acompanhamento e Imposto de renda). Nele você insere os ativos que deseja ter, coloca um percentual objetivo e uma vez por mês com o dinheiro do seu aporte investe no ativo que está com maior diferença entre a quantidade que tem e o objetivo.

1 - Coloque todos seus investimentos no Bastter System, mesmo os que ainda não tem, mas planeja ter.

2 - Estabeleça objetivos percentuais

3 - Uma vez por mês pegue todo o dinheiro novo (inclusive dividendos) e compre um ativo, no máximo dois, que o Bastter System mandar. (Se o Bastter System mandar comprar mais de um ativo, ou vários, compre qualquer um, tanto faz).

4 - Os ajustes são sempre feitos na compra. Nunca venda nada para ajustar ou perseguir os objetivos.

5 – Coloque de quarentena o que considera que não tem mais valor. Só saia se após um bom tempo de análise considerar realmente que não tem valor, ainda assim saia devagar em partes, e acrescente o dinheiro da venda a compra mensal.

6 – Se necessário, mas com muita parcimônia, reavalie seus ativos e os objetivos percentuais anualmente, de preferência em abril, após os balanços anuais.



FAQ do Bastter System, explicando diversas operações

Para entender como usar: Guia completo do Bastter System

APRENDIZADO

Clique no manual abaixo para começar a apender sobre o site e as áreas




A maior parte do aprendizado do site está nas seções do site, nos murais das ações, FIIs, stocks. Portanto, siga o mural das empresas, FIIs e Stocks que está estudando, das mais vistas e comentadas mesmo que não deseje ser sócio, pois estará aprendendo com as discussões.

 

CHAT AO VIVO

Os moderadores fazem chats ao vivo abertos para todos tirarem suas dúvidas e aprender sobre os investimentos, de acordo com a programação abaixo.

Na hora do chat, é exibido um banner no site avisando que o chat está ligado. Participe dos chats e aprenda com a nossa comunidade.
Consulte a programação

COMUNIDADE

Acesse a seção Assuntos Gerais para bate papo geral e discussões com a comunidade, além de ver a divulgação das novidades.

Depoimento dos usuários

CADASTRO

Ao se cadastrar, além do acesso ao Bastter System e outros arquivos no site, você ganha o livro "O Click da Riqueza" onde desmistificamos diversos bullshits financeiros após anos de troca de experiências no site. Antes de começar a estudar o site, é essencial que você leia este livro!

BASTTER BLUE

Tornando-se Bastter Blue você tem acesso a mais de 4000 vídeos e chats gravados pelos moderadores de cada área do site, centenas de dúvidas sanadas e também acesso aos dados completos das empresas, FIIs, Stocks, entre inúmeros de outras áreas exclusivas.

As ferramentas do site são desenvolvidas e evoluídas sempre para facilitar o acompanhamento dos investimentos e ajudar a ter tranquilidade financeira. Com acesso às áreas exclusivas fica mais fácil e ágil estudar.

Além disso os moderadores constantemente publicam conteúdos como os 10 livros digitais disponíveis para os assinantes:

https://bastter.com/Mercado/Loja/LivrosDigitais.aspx

Ou através deste Link - Vídeos gratuitos para assinantes

Para conhecer as condições de assinatura, clique aqui:

Para ter uma ideia do que os assinantes tem acesso, veja as páginas:

Ações: Ambev
FIIs:  CSHG Real Estate
Stocks: Nike


Os assinantes também podem fazer perguntas diretamente aos moderadores, e podem escolher que a conversa seja privada:




 
E após a montagem de carteiras no Bastter System, podem solicitar comentário da carteira para receber ajuda nos estudos.

SUPORTE

Caso você encontre algum problema no site ou queira sugerir mudanças, entre em contato através do Suporte

Quando começar a investir?

As chances de você prever o futuro são mínimas, então a hora que você vai escolher para entrar no mercado não fará diferença, o que faz diferença é começar e colocar os juros compostos em movimento. 


O melhor momento de entrar é sempre AGORA, pois o que enriquece é aporte, tempo e valor. Se tem TEMPO na variável, quanto antes melhor, como vimos acima as taxas apenas multiplicam e o tempo é exponencial no acúmulo de patrimônio.
Quanto mais meses "líquido" esperando oportunidade, mais perde para quem investiu e deixou o tempo agir
 
O que fará diferença é o quanto você estudou e se familiarizou com aquilo que você pensa em investir. Achar que está perdendo rentabilidade por não estar investindo em renda variável somente trará angustia pra você e te fará correr riscos desnecessários. Não se esqueça: "Rentabilidade é a máquina de triturar sardinha"


Você decidiu investir e ser sócio de ativos de valor, ótimo! Estude os materiais, acompanhe o mural dos ativos e as discussões. Deixe o tempo passar e foque no que você pode controlar: seu aporte, sua formação, quais ativos investe (valor), sua saúde e sua família!

Diversos Manuais exclusivo Bastter Blue

Ir para os Manuais

Livre-se de Ideias que te Fazem Perder Dinheiro.

Download Grátis

Tranquilidade Financeira, Saúde e Paz

Download Grátis

Tutoriais

Este tutorial foi feito para ajudar os iniciantes a se tornar sócio das empresas de valor que escolheram para  a carteira, e o processo é o mesmo para os FIIs.

Antes de começar, é necessário ter cadastro em uma corretora. A maioria das grandes corretoras oferecem o produto “Home Broker” semelhante ao que será usado de exemplo aqui.




É possível escolher uma corretora que ofereça vantagens aos assinantes Blue:

https://www.bastter.com/mercado/loja/assinaturas.aspx

Após cadastrar em uma corretora, você precisará responder a um questionário sobre seu perfil de investidor. Este questionário é obrigatório pela CVM e serve para habilitar ou desabilitar operações no sistema da corretora conforme seus objetivos. Responda com base no que deseja fazer, e neste caso, operar no mercado à vista. Em geral, o perfil será classificado como “Moderado”.

Enviando Dinheiro

A próxima etapa para começar é enviar dinheiro de sua conta corrente para a conta da corretora. Em algumas corretoras, isso está disponível em algum lugar do site com o título de “Enviar Dinheiro” ou “Aviso de depósito”. Dentro desta página estão as informações da conta para a qual você deverá enviar DOC/TED

Atenção: Não são aceitos depósitos, apenas DOC/TED da conta de origem do investidor cadastrado.

Após fazer a transferência e avisar o depósito do dinheiro, este entrará em seu saldo. O tempo de espera é de:

- Mesmo dia (entre minutos a algumas horas) para TED

- Dia seguinte para DOC

 

Comprando uma ação

Para comprar uma ação, precisamos saber a qual preço está sendo negociada. Francamente, este é o único momento em que o holder precisa saber o preço da empresa.

Ao comprar as ações, a bolsa brasileira possui 2 sistemas de negociação. Para os FIIs, não existe esse esquema, sendo que todo FII é negociado de 1 em 1 unidade.

Lotes: as ações são negociadas em lotes de 100, você paga um preço unitário x 100 = 1 lote.

Para comprar, basta colocar o código da ação da empresa de 4 letras e 1 número (Ex: ABEV3, EGIE3).

 


Fracionário: são negociadas ações unitárias. Você pode comprar entre 1 e 99 ações por vez.

Para comprar no fracionário, algumas corretoras pedem que digite o código da ação da empresa acrescidade e um “F” no fim. Ex: ABEV3F. Em outras, ao digitar o código da ação e uma quantidade abaixo de 100, automaticamente compra-se no fracionário.

É importante ressaltar que em ambos os casos, as ações das empresas são exatamente as mesmas. Se você comprar 47 ações no fracionário e em outro aporte comprar 53, poderá vendê-las como um lote de 100. Não tem diferença alguma entre elas.

Caso você vá comprar um número quebrado de ações, como 153, algumas corretoras podem cobrar duas corretagens: uma para o lote padrão, e outra para o fracionário. Informe-se com a sua corretora sobre esses custos. 

 


É normal existir uma pequena diferença de preços entre o lote e o fracionário, tanto para cima como para baixo. No caso dos prints, vemos que a ação no lote padrão está sendo comprada a R$20,77 e no fracionário a R$20,76. Se a empresa tiver liquidez suficiente, esta diferença (spread) nunca será muito grande, e não vai fazer a menor diferença no longo prazo.

 

Para ver a liquidez das ações, acesse a aba “Liquidez” nos murais. Em geral, acima de 30 negócios por dia já é uma liquidez suficiente para negociar no fracionário. 

Nesta etapa, cada corretora vai ter um atalho ou nome diferente para se acessar o mercado. Algumas corretoras mostram os botões “Comprar ou Vender”, ou um “C” e “V” com cores diferentes. 

Clicando em comprar, os sistemas de home brokers geram uma tela chamada “boleta” onde você configura a ordem de compra:


Nesta tela devemos configurar o tipo de ordem (Veja o FAQ “Como lançar ordens no home broker?”), preço e validade.

Tipo de ordem: para o holder, utilizar a ordem à mercado ou limitada, com preço igual ou superior ao preço de VENDA no book de ofertas.

Preço:

SÓ COMPRE AÇÕES COM O DINHEIRO QUE VOCÊ POSSUA JÁ NA CORRETORA! Verifique sempre se enviou o dinheiro suficiente para comprar a quantidade de ações ou FIIs que deseja. 

Em algumas corretoras, há um saldo "de garantia" que permitem comprar sem ter o dinheiro, a chamada "alavancagem". Verifique sempre se não está usando este saldo, atualize a página, pois você deverá pagar pelo que comprar no dia e caso tenha usado a garantia, terá que vender algum investimento.

 

Neste caso, o melhor preço de venda era R$20,79, portanto lançamos uma ordem limitada a R$20,83. Na prática, você pagará o melhor valor até R$20,83. Colocamos alguns centavos acima, pois os preços podem variar instantâneamente e você terá que ajustar sua ordem novamente para poder comprar.  

Uma outra opção é colocar  a ordem com o preço atual e com uma validade de alguns dias.

Para o pequeno investidor pessoa física, os centavos a mais ou a  menos não fazem diferença. Mesmo que você conseguisse comprar no melhor preço do dia sempre que for aportar,  oque é humanamente impossível, não faria diferença.

Após acertar estes dados, dê ok e confira se a ordem foi lançada. Você pode acompanhar o status da sua ordem em algum lugar da corretora chamado “Ordens”.

Se você lançou com um preço acima dos preços de mercado e não houve oscilação, em alguns segundos você poderá consultar a carteira e ver as ações das empresas:

 

Nota: caso as ações e FIIs não apareçam imediatamente, aguarde 3 dias úteis e consulte o CEI:

https://cei.b3.com.br/CEI_Responsivo/

 

Elaborado por Giovanni

Colaboração: Fernando Mizobuti, jbrunswick, Sazón e NicoBR

Iniciando os investimentos: Como comprar no Tesouro Direto

Para começar a investir nos títulos públicos do Tesouro Direto, é necessário a abertura de conta em uma corretora.

Após abrir sua conta em uma corretora, é possível seguir as informações do passo a passo do site do Tesouro Direto:

http://www.tesouro.gov.br/tesouro-direto-passo-a-passo

Atenção para os seguintes passos:

“Entre em contato com a instituição financeira escolhida e solicite seu cadastramento. Você deverá fornecer a documentação necessária para que essa instituição abra uma conta em seu nome para operar com o Tesouro Direto.

A partir disso, você receberá uma senha provisória da BM&FBovespa para o primeiro acesso à área restrita do Tesouro Direto, em que são realizadas as operações de compra e venda, assim como consultas a saldos e extratos”

Este cadastro normalmente é feito online. Consulte as opções na sua corretora.

Importante: Antes de começar a investir você deve enviar dinheiro para sua corretora. Não faça investimentos no Tesouro Direto sem ter enviado o dinheiro que deseja investir antes. Após ter o dinheiro na conta corrente da corretora, prossiga com o tutorial abaixo.

Agora vamos ao ambiente do investidor no portal do Tesouro Direto: 

https://tesourodireto.bmfbovespa.com.br/PortalInvestidor/login.aspx

 Acessando o portal, vemos a seguinte tela:

 Clique em Investir e Resgatar:

 

Na próxima tela, você pode escolher Investir ou Agendar um investimento. Após escolher, você deve selecionar a sua corretora:

 

Nesta tela, vemos os investimentos disponíveis:

Para comprar um título, basta digitar o valor que deseja comprar, em múltiplos de 1% do valor do título.

Como assim? Simples:

No quadro temos o Tesouro IPCA+ 2045 e na coluna preço unitário, vemos o valor de R$ 752,60. Podemos comprar:

1%: 752,60 * 0,01 = R$ 7,526

5%: 752,60 *0,05 = R$ 37,63

10%: 752,60 *0,1 = R$ 75,26

E por aí vai... 

Lembrando que a primeira compra não seria permitida, pois o valor mínimo de investimento no TD é de R$ 30.

 Portanto neste caso se o investidor deseja investir R$80, o valor mais próximo seria 5% do título, ou seja R$ 75,26. Mesmo digitando o valor de R$ 80, o tesouro arredondará a operação após a liquidação para R$ 75,26. 

A próxima tela é a confirmação do investimento:

 Como este tutorial foi feito em um horário em que o mercado de negociação está fechado, não sabemos a qual valor exato o título será comprado. Porém na abertura de mercado, os títulos serão comprados com o valor mais próximo possível ao que você selecionou e sempre até o limite financeiro inserido. 

Caso deseje cancelar a ordem, é possível fazer indo na Consulta de Agendamentos:

 

Clicando no símbolo de editar, é possível cancelar o agendamento na próxima tela:

Depois, consulte novamente os agendamentos ou protocolos para verificar se foi cancelado:

Depois de agendado ou efetuado, seu investimento será processado no próximo dia útil pela corretora, que fará o repasse do dinheiro ao Tesouro Nacional. E em até 3 dias úteis, o investimento comprado irá aparecer na sua carteira. 

Você também irá receber no email cadastrado os avisos referentes as movimentações.

Na abertura do mercado, há a confirmação da efetuação do investimento:

E normalmente no dia seguinte os títulos já aparecem na sua posição

 

Importante: Para evitar problemas é recomendado utilizar o sistema do próprio tesouro direto para compra dos títulos.

 

Vejo muita confusão em cima disso que é uma coisa extremamente simples

Acionista minoritario no fim das contas só pode e so ganha duas coisas:

Crescimento e/ou Dividendos

E isso leva a outra confusão que é buscar estas coisas quando na verdade elas são consequencia

Então o que voce deve buscar:

- Empresas que lucram e geram caixa eficientemente

- Empresas que controlam caixa e divida adequadamente

- Empresas que tem boa gestão e boa Governança

E tendo tudo isso, so interessa se tem ON com boa liquidez, de preferencia se tiver so ON melhor ainda

As empresas que tem os dados acima vão produzir dinheiro de forma eficiente e esta dinheiro vai sobrar

Se o dinheiro sobrar e a empresa tiver boa gestão ela vai:

- Investir nela mesmo = crescimento

- Comprar outras empresas = crescimento

- Pagar Dividas = crescimento e/ou dividendos

- Recomprar açoes = crescimento e/ou dividendos

- Distribuir os lucros = dividendos

Então é bem simples

1 - Ver se a empresa é boa (os tres itens acima)

2 - Ver se a empresa retorna ao acionista = Crescimento e/ou dividendos mas se 1 é verdade, 2 é verdade

Simples pessoal, parem de complicar

Manual: Sócio

Dúvidas

Tire suas dúvidas com os consultores de cada área do site:

Ações FIIs Investimentos no Exterior Renda Fixa Imposto de Renda Saúde & Esportes
As respostas para as dúvidas mais frequentes estão aqui no Super FAQ!
As respostas para as dúvidas mais frequentes sobre o Bastter System estão aqui no Bastter System > FAQ!

Atalhos

São mais de 2.000 videos, chats, análises e podcasts disponíveis na seção Bastter Blue > Videos.
Clique aqui e escolha o melhor plano para você e tenha acesso total ao conteúdo Bastter.com!